quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

CPRv DIVULGA BALANÇO FINAL DA OPERAÇÃO CARNAVAL 2012 NAS RODOVIAS ESTADUAIS.

A Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv) encerrou, ao meio dia desta quarta-feira de Cinzas, 22, a Operação Carnaval 2012 nas rodovias estaduais. Durante os cinco dias de operações, foram registrados 29 acidentes de trânsito, com uma vítima fatal e 13 vítimas hospitalizadas.

A CPRv também intensificou as fiscalizações nas rodovias, sendo aplicados 147 autos de infração, com resultado de 16 veículos apreendidos, 17 carteiras de habilitação recolhidas, nove Certificados de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) recolhidos, duas prisões por embriaguez e dois autos de constatação de embriaguez confeccionados.

Dos 29 acidentes registrados pela CPRv, 60% foram com apenas danos materiais. O único acidente com vítima fatal ocorreu na noite do domingo, 19, por volta das 22h30, na rodovia Lourival Batista (SE-270), no município de Lagarto. No povoado Carro Quebrado, foi registrada uma colisão traseira envolvendo uma motocicleta Honda NXR BROZ 150, placa PVK 0598, conduzida pelo senhor Leandro José dos Santos, que veio a óbito no local.

Para o comandante da CPRv, capitão Walcyr Mendonça Silva, a operação foi considerada positiva. “Apesar do registro de uma morte na rodovia Lourival Batista, a qual não teve ligação direta com as regiões onde estavam ocorrendo as festividades carnavalescas, pudemos constatar, em geral, a tranquilidade no trânsito das rodovias estaduais”. Ainda de acordo com o comandante, o resultado alcançado reflete a melhoria da conscientização da sociedade e dos condutores, os quais vem apresentando um comportamento adequado na direção de seus veículos e contribuindo, assim, para um trânsito mais seguro.

Vale ressaltar que na Operação Carnaval de 2011, a CPRv registrous 27 acidentes de trânsito, com 12 vítimas hospitalizadas e nenhuma vítima fatal.

Um comentário:

  1. Na segunda por volta das 17:15 houve uma perseguição de uma moto a um condutor de veiculo. Vi que o mesmo parou na base da CPRV da barra. gostaria de saber se pegaram o motoqueiro e que houve com ele ? Já que o mesmos viam fazendo ultrapassagem perigosas, e que o motociclista fazia uma série de gestos ao condutor do veiculo, vindo o mesmo até achutar o veiculo.

    ResponderExcluir